Low Poo | O que é? Devo fazer ou não?

quinta-feira, maio 19, 2016


Minha experiência com Low Poo


Então meninas, hoje eu vim contar para vocês um pouquinho mais sobre a minha experiência com Low Poo! Fazem aproximadamente 6 meses em que comecei a adotar a técnica e eu posso dizer que existiram vários altos e baixos, mas primeiramente eu vou explicar para quem ainda não sabe o que diabos é isso!

Low Poo


Muito resumidamente Low poo é uma técnica para a higienização do couro cabeludo com a utilização de shampoos sem sulfatos fortes.


Mas Paula, o que são sulfatos fortes? Porque não usar?

Então, uma mulher muito esperta desenvolveu um método chamado  Curly Girl, ou em português o método da garota cacheada. Ela explicou tudinho em um livro e são dois métodos o No poo (são shampoo) e o Low poo (pouco shampoo). Basicamente o que fazemos toda a vez que usamos um shampoo com esses sulfatos fortes é uma agressão ao nosso cabelo, eles acabam fazendo uma limpeza muito mais potente do que nós naturalmente precisamos e como consequência disso temos cabelos mais frágeis, mais secos, etc.


Mas por que então a indústria continua fazendo os shampoos tão fortes assim?

Por um motivo bem importante: a grande maioria dos nossos condicionadores, máscaras de hidratação, reconstrução, finalizadores, protetores térmicos, óleos, etc. Quase tudo mesmo, possui na sua composição elementos que não se dissolvem na água, ou seja, se a gente não usar o shampoo iremos ficar com o cabelo sujo com esses resíduos e ao longo do tempo isso pode gente coceira, caspa e até mesmo a queda.

Sendo assim, o método do Low poo se desenvolve na premissa de que você vai abolir todos esses produtos insolúveis em água da sua rotina (se pode usar produtos que sejam dissolvidos em sulfatos fracos, mas não quero entrar muito em detalhes porque não é foco do post).


Quais são esses produtos, Paula?

Muito resumidamente: qualquer derivado de petróleo e silicones insolúveis em água. Os mais comuns que existem em quase todos os cremes são:
  • Óleo mineral (Mineral oil)
  • Parafina Líquina (Paraffinum Liquidum)
  • Petrolato (Petrolatum)
  • Vaselina (Vaselin)
  • Isoparafina (Isoparafin)
  • Dimethicone (quase tudo com cone no final :/)
  • Entre muitos outros.

Ok. Não pode usar tudo isso, mas daí como lava o cabelo?

Existem shampoos no mercado que são liberados para loo, como alguns infantis da Johnsons, os da Phytoervas, os da Lola Cometics e hoje já existem linhas próprias para quem segue No/Loo poo (a linha less poo da Yamá) e assim vai. Tem que se atentar para a lista de sulfatos proibidos, os mais famosos e usados são o Sodium Lauril Sulfate (SLS - lauril sulfato de sódio) e Sodium Lauril Ether Sulfate (SLES - lauril éter sulfato de sódio).

Se vocês quiserem seguir a técnica aconselho pesquisar porque tem MUITO mais informação! E tem uns grupos no facebook que são muito legais, no final do post colocarei os links.
Então já sabemos o que é a técnica, agora vou falar um pouquinho como é seguir essas restrições, se quiser ver pelo vídeo abaixo é só dar um play! Se não quiser continua lendo! :D


A técnica foi criada inicialmente para cabelos cacheados e ondulados, pois eles sofrem muito mais com o uso frequente de shampoos fortes, mas o que me chamou a atenção é que como se usa um shampoo mais fraco, para quem pinta o cabelo é uma opção muito legal porque assim ele desbota menos nas lavagens! Para quem é ruiva então, é um sonho porque o pigmento ruivo/acobreado desbota muito facilmente!

Começar a técnica por si só foi um baita trabalho: tem que lavar todos os acessórios de cabelo, deixar eles de molho com shampoo, limpar escovas de cabelo e o pior: trocar todos os seus produtos!
E quando eu falo tudo, é tudo MESMO! No meu caso, eu não gosto de jogar nada fora, então a decisão de adotar a técnica foi um processo bem longo. Entre terminar todos os produtos que eu tinha que eram proibidos e comprar os novos demorou uns 3 meses.

Depois de começar vem um período de adaptação/transição que é bem tenso para algumas meninas, no meu caso foi tranquilo. Nem todos os cabelos se adaptam as trocas dos produtos e tal e a rotina fica bem tensa, ir comprar creme de cabelo passa a ser um processo demorado e de muita análise haha! Tem gente que começa a sofrer com caspa, com queda ou apenas muita oleosidade, mas geralmente porque cometeu algum erro e usou produto proibido.

E sabe o que faz quando usa produto proibido? Tem que começar do zero: lavar todos os acessórios de novo e usar shampoo forte no cabelo umas 3x para ter certeza que tirou todo o resíduo... Um saco, mesmo mesmo.

Mas depois você colhe os louros, que no meu caso foram uma cor de cabelo que desbota mesmo e me deixava mais alegre e também um cabelo mais macio e hidratado. Ao mesmo tempo que eu fiz o low poo, eu fiz também o cronograma capilar porque meu cabelo estava bem tenso, e posso dizer que ele melhorou 85%!

No final das contas eu aprendi porque os silicones insolúveis são frequentemente utilizados na indústria: eles dão a sensação de maciez para o cabelo porque criam uma película em volta do fio, a curto prazo isso é bom porque protege dos danos do meio, porém a longo prazo impede que você hidrate os fios diretamente.

Só que dependendo da sua rotina, um siliconinho desses é uma dádiva! Antes do low eu passava uma semana inteira sem lavar o cabelo, a raiz ficava um pouco oleosa, mas nada demais. Depois do low, eu tenho que hidratar e lavar meu cabelo a cada 2/3, porque não tem silicone nenhum ali para mascarar os danos. Depois de muitos meses de tratamento eu estou conseguindo até uns 4/5 dias sem lavar, com ele bonito e hidratado até certo ponto, mas as vezes dá uma saudade de usar produto proibido!

Para concluir esse post enorme: a decisão de fazer low poo não deve ser algo de momento, é algo que dá muito trabalho para começar, mais ainda para se adaptar e mais ainda para dar resultados e não é o tipo de coisa que se pode fazer pela metade e esperar que milagres. Então se você não tem tempo de cuidar tanto assim do cabelo e não sente que ele sofre os shampoos fortes: se joga, amiga e aproveita essa vida de comprar coisas sem olhar cada ingrediente da composição! haha

Quem sobreviveu até o fim do post me conta, vocês fariam low?

You Might Also Like

6 comments

  1. Gostei do post, aliás seu cabelo tá lindo!

    heyimwiththeband.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Comecei a fazer Low poo no final do ano passado e sinto meu cabelo muito mais leve <3
    Adorei o post por que ficou beeeeeeeeeeeeem completinho.
    | A Bela, não a Fera| | Compro e Vendo em Bazar de Roupas online|| FB Page A Bela, não a Fera|

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! Eu tentei resumir muito, tem MUITA coisa para falar sobre low! :D

      Beijos

      Excluir
  3. Que fofura♥Eu faço low poo e amo.Quem começa não se arrepende

    beijos
    Dreamy

    ResponderExcluir

Facebook

Flickr

Subscribe